Home O que visitar Roteiros Roteiros Temáticos O Café e a História da Cidade

Roteiro O Café e a História da Cidade

 

CLIQUE PARA VER O ROTEIRO (2,34 MB)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A economia cafeeira é o fator que desencadeou o desenvolvimento que levou a capital paulista da nona cidade do Brasil em 1872 até a metrópole global de hoje. A cultura do café, introduzida no Brasil no século XVIII, se disseminou pelo sudeste e sul do país, gerando enorme riqueza e recriando hábitos e costumes.
Cultivado inicialmente na região de Belém, o café chegou ao Rio de Janeiro. De lá se expandiu atingindo a província de São Paulo, onde se consolidou como base da economia do país nos meados do século XIX e primeiras décadas do XX.
Plantado em vales e montanhas proporcionou o surgimento de novas cidades e a dinamização e crescimento de muitas outras. Foi o café responsável pela introdução da ferrovia no estado de São Paulo, construída para escoar o principal produto de exportação brasileiro. Trouxe também aproximadamente 4 milhões de imigrantes entre o final do século XIX e início do XX, vindos especialmente da Europa.
A riqueza que fluía pelos cafezais acelerou o desenvolvimento do país e se evidenciava nas elegantes mansões dos barões fazendeiros, nas grandes construções urbanas, na difusão das artes e na importação da cultura européia, nos teatros erguidos na capital e nas novas cidades do interior paulista.
O grande impacto na produção e comércio do café se deu com a crise de 29. Entretanto, o país se recuperou e atualmente ainda é o maior produtor mundial do grão.
O café transformou a economia e os hábitos brasileiros, das riquezas geradas ao cafezinho servido às visitas para dar sabor às conversas, das transformações na vida urbana ao cotidiano no campo.
A Prefeitura de São Paulo, através da São Paulo Turismo, desenvolveu este roteiro que permite compreender as transformações sócio-econômicas e culturais que o dinheiro trazido por esta especiaria provocou em São Paulo, vivenciando o patrimônio material e imaterial deixado pelo “ouro negro”.

Fazem parte do roteiro O Café e a História da Cidade:
Palácio da Justiça Ÿ| Edifício Guinle |Ÿ Centro Cultural Banco do Brasil Ÿ| Largo do Café |Ÿ Edifício Martinelli |Ÿ Estação da Luz Ÿ| Painel Epopéia Paulista Ÿ| Parque da Luz |Ÿ Pinacoteca do Estado |Ÿ Estação Pinacoteca |Ÿ Estação Júlio Prestes |Ÿ Vila dos Ingleses

 




Banner
Banner


ARTIGOS MAIS LIDOS