Catedral Ortodoxa


 

Catedral Metropolitana Ortodoxa de São Paulo. Foto: Caio Pimenta/SPTuris.

Dom Ignatios Huraiki foi enviado pelo Patriarcado Ortodoxo com a missão de fundar a Catedral Metropolitana Ortodoxa de São Paulo, localizada no início da Avenida Paulista. Foi ele quem iniciou a Irmandade Ortodoxa de São Paulo, responsável por captar e administrar os recursos necessários para a construção da  obra.

Inaugurada em 1954, o projeto foi inspirado na Igreja de Santa Sofia, construção bizantina em Istambul, na Turquia, e ficou sob responsabilidade do engenheiro Paulo Tafic Camasmie.

Catedral Metropolitana Ortodoxa de São Paulo. Foto: divulgação.

A imponente cúpula central dourada abriga abóbadas centrais e mezaninos laterais pintados por Joseph Trabulsi, na década de 1950, com técnica de afresco e iconostácio, todo em mármore, entalhado à mão, com ícones do iconógrafo russo Krivotz. Entre os anos 2000 e 2003 as paredes laterais e a cúpula do altar foram realizados por Hannán Houli.

Os vitrais e ícones pintados em afrescos e telas, revestindo as paredes internas, são alguns dos bons motivos para visitar a Catedral. As fileiras de colunas marmorizadas com ornamentos dourados em estilo coríntio, o revestimento interno feito em mármore da região de Carrara, da Itália, e os 65 ícones do Iconostácio também impactam o visitante.

Serviço:

Catedral Metropolitana Ortodoxa
Horário de Funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 13h e das 15h às 17h30. Sábados, das 10h às 13h. Missa aos domingos às 10h30.
End.: Rua Vergueiro, 1515 - Paraiso - zona Sul - São Paulo.
Tel.: (11) 5579-3835/ 5579-0019/ 5579-0017/ 5571-6035
www.catedralortodoxa.com.br

 

Galeria de Imagens: Catedral Ortodoxa

 



As atrações e/ou informações sobre eventos que constam neste site estão sujeitas a mudanças e alterações sem aviso prévio. Evite surpresas telefonando antes de visitar as atrações ou eventos.






Banner
Banner


ARTIGOS MAIS LIDOS